Bólides já rolam em Boticas!

0
251

A primeira subida de treinos oficiais deu o “pontapé de saída” para a Rampa de Boticas, prova que encerra o Campeonato Nacional de Montanha Valvoline 2017. O mais rápido em termos absolutos e na Categoria 1 nesta primeira subida, foi Pedro Salvador em Silver Car EF10 que efectuou a marca de 2:17s363. Rui Ramalho foi segundo com o Osella PA21s Evo, seguido por Hélder Silva em Juno CN09.

Atrás dos três primeiros ficou o melhor dos pilotos da Categoria 2, José Correia em Nissan GT-R GT3, que começa da melhor maneiro o seu ataque ao título. O outro pretendente ao título, Gonçalo Manahu, não completou a subida com problemas no seu Porsche 997 GT3 Cup.

Com o seu Ford Fiesta R5, Manuel Correia foi o melhor na Categoria 4 e nos Turismos, registando a quinta marca absoluta na frente de Joaquim Teixeira em Renault Megane Trophy V6, líder da Categoria 5. Na Categoria 3 o mais lesto foi Pedro Saraiva com o Mitsubishi Lancer Evo IX. Leonel Brás em Citroen AX liderou a Taça Nacional de Montanha 1300.

No Campeonato Nacional de Clássicos Montanha, Luis Delgado até Boticas o potente Ford Sierra RS500 e dominou naturalmente. Carlos Oliveira e o BMW 323i foram os mais rápidos nesta primeira abordagem do Troféu Nacional de Clássicos Montanha ao traçado transmontano, sendo de referir que este piloto garantiu já o título nesta competição, a confirmar-se a ausência de Fernando Salgueiro, único piloto que poderia ainda chegar ao ceptro.

Aníbal Rolo em Datsun 1200 Coupé, passeou nesta primeira subida, registando o melhor crono na Taça Nacional de Clássicos Montanha.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here