Quatro em quatro para Pedro Salvador

0
446

 

Pedro Salvador conquistou em Santa Marta de Penaguião a quarta vitória da época e ainda bateu o recorde absoluto deste traçado.

O homem da Speedy Motorsport começou bem. Retirou nove décimas ao tempo da primeira subida de prova e consolidou a liderança. “Ontem fiquei com a certeza de que ainda podia melhorar e com a rampa mais rápida baixei o tempo para o segundo 45.” O homem do Norma deixa assim o seu mais directo adversário a 1,3 segundos e bate o recorde da Rampa de Santa Marta, com o tempo de 1m 45,842s.

Mas se bater o recorde não foi suficiente, na derradeira subida de prova ainda retirou mais meio segundo. O melhor tempo de sempre na Rampa de Santa Marta é agora de 1m 45,245s.

“Na última subida estava apostado em tentar baixar para o segundo 44 e acho que tinha conseguido, não fosse o facto de na travagem para o último gancho da rampa ter ficado com o pé preso por baixo do acelerador e por isso ter perdido tempo. Mais uma vez, dei o meu melhor, fui rápido e bati mais um recorde. Acho que esta é a melhor forma de agradecer a todos quantos me apoiam e de dar o melhor espectáculo, que é isso que traz o público às rampas.” Rematou o vencedor da Rampa de Santa Marta de Penaguião.

Contas feitas, Pedro Salvador rodou em 3m 31,087s, no somatório das duas melhores subidas, o que lhe deu uma vantagem de 3,963s sobre o segundo classificado. Com esta vitória, o homem do Norma M20 FC venceu pela quarta vez, em quatro provas, o que o coloca destacado na frente do Campeonato Nacional de Montanha.

Pedro Salvador começa na frente

O piloto da Speedy Motorsport está na frente da Rampa da Santa Marta de Penaguião, com uma vantagem de 3,264 segundos.

Apesar do desconhecimento do traçado, Pedro Salvador fez o melhor tempo, na primeira subia de reinos da Rampa de Santa Marta de Penaguião. Na segunda, já com melhor conhecimento do traçado, atingiu a marca de 1m 47,772, a melhor marca de treinos e colocou a diferença para o segundo em 1,665 segundos.

“Entrei a com algum cuidado. Na segunda subida de treinos tinha também feito algumas alterações no set-up do Norma e retirei 1,2 segundos. Mesmo assim, acho que ainda é possível fazer melhor.”

E foi mesmo, na primeira subida de prova retirou um segundo redondo e marcou o melhor tempo em 1m 46,788s, o melhor do fim-de-semana neste traçado.

“Tinha um bom set-up e o tempo é reflexo disso. Apostei em andar rápido, mas ainda tenho margem para retirar. Com o traçado mais fresco que espero encontrar amanhã de manhã, acho que poderei ser ainda mais rápido.” Remata o líder do Campeonato Nacional de Montanha.

salvador._santa

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here