Carlos Fava com boa prestação em Murça

0
117

Uma vez mais o Volkswagen de Carlos Fava teve em bom plano na Rampa de Murça, sexta prova do Campeonato Portugal de Montanha JC Group, prova organizada pelo Cami.

Logo na subida da warm-up, Carlos Fava seria o autor do 22º melhor tempo à geral com 2.54..895, e o terceiro em termos do Campeonato Portugal Clássicos de Montanha. Na primeira subida oficial de treinos, o piloto da Covilhã conseguia melhorar alcançando um tempo de 2.53..356, correspondendo ao 22º melhor tempo à geral, e de novo o terceiro em termos do Campeonato Portugal Clássicos de Montanha. Já na segunda subida de treinos, não foi assim tão favorável a Fava, que obteve um tempo de 3.09.237, correspondendo ao 27º tempo à geral, e quarto no Campeonato Portugal Clássicos de Montanha.

Mas a verdade é que para a primeira subida oficial de prova, Carlos Fava “arregaçou as mangas”, e simplesmente pulverizou os tempos anteriores, obtendo 2.49.796, correspondendo ao 24º na classificação geral, e terceiro no Campeonato Portugal Clássicos de Montanha.

No dia seguinte, logo pela manhã, Carlos Fava e o seu Volkswagen 1303 S fariam o warm-up, obtendo um tempo de 2.50.411, correspondendo ao 18º melhor tempo, e o primeiro em termos do Campeonato Portugal Clássicos de Montanha. Na derradeira subida de treinos, faria 2.48.414, o 24º melhor tempo na classificação geral, e o segundo no Campeonato Portugal Clássico de Montanha. Já na segunda subida oficial de prova, Fava seria o autor de 2.46.029, o seu melhor tempo na edição deste ano da Rampa de Murça, correspondendo ao 24º melhor tempo à geral, e terceiro no Campeonato Portugal Clássicos de Montanha. Para a ultima subida oficial de prova, Carlos Fava obteve um tempo de 2.50.236, sendo o 25º melhor tempo à geral, e o quarto no Campeonato Portugal Clássicos de Montanha.

No final, depois de cerimónia do pódio, e na altura em que carregava o Volkswagen 1303 S no atrelado, Carlos Fava, falou-nos com foi o fim de semana ” correu bem sem grandes problemas. Consegui atingir o objectivo, que foi melhorar de forma sistemática todos os tempos feitos em cada subida, com excepção na ultima, pois o carro começou a falha. Fui ao pódio, por isso estou satisfeito. Foi um bom fim de semana, diverti-me, estive com os amigos, por isso tudo bem, e agora vamos começar a pensar na próxima prova, que é a rampa de Senhora da Graça “.

Fonte: JBVA Assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here