António Rodrigues vence na Protótipos B na Arrábida e reclama mais um pódio absoluto

0
123

Excelente arranque de época para o vice-campeão nacional. Assinando uma exibição a roçar a perfeição, António Rodrigues reclamou na Arrábida a vitória entre os Protótipos B e um lugar no pódio absoluto da prova.

O tiro de partida para o Campeonato de Portugal de Montanha JC Group deu-se a sul, com a 30ª edição da Rampa PÊQUÊPÊ Arrábida a ser um palco de eleição para terminar o “jejum” de quase seis meses sem competição.

Mas, este longo defeso em nada afetou as capacidades de António Rodrigues. O piloto do BRC CM 05 EVO da equipa NJ Racing e patrocinado pela Lusimed, deu continuidade ao nível exibicional que ostentou ao longo de 2020 e voltou a estar em destaque.

Muito rápido, cedo se percebeu que não daria veleidades aos concorrentes diretos na luta pelo domínio da Divisão Protótipos B, construindo uma vitória incontestável. Foi o único desta divisão a rodar sistematicamente abaixo de 1:50, extraindo todo o sumo do protótipo preparado pela FR Power.

Na geral, cedo se percebeu que não lhe escaparia o 3º posto, conquistando assim mais um pódio prestigiante na sua curta, mas rica carreira e assumindo-se como um dos pilotos mais competitivos da modalidade.

No rescaldo, o piloto da NJ Racing apoiado pela Lusimed considerou ter alcançado “um excelente resultado. Com o carro que temos não há hipótese de lutarmos com os dois protótipos da Divisão A e fizemos o que era possível”.

Quanto ao resumo do fim-de-semana, António Rodrigues salientou que “comecei bem. Depois, senti alguma dificuldade na adaptação às novas patilhas no volante para as trocas de caixa de velocidades. O sistema não estava a funcionar bem e apanhei dois sustos. Nas subidas oficiais de prova, decidi recorrer à alavanca tradicional, usando de quando em vez as patilhas e acabamos por ultrapassar o problema. Fiz muito bons tempos e consegui este 3º lugar absoluto e a vitória na minha Divisão”, resultado que o piloto de Santa Marta de Penaguião considera “muito positivo e dentro das expectativas, colocando-nos em boa posição para discutirmos os títulos. Estou na luta e ganhei ainda mais alento para dar o máximo já na próxima corrida!”.

O Campeonato de Portugal de Montanha JC Group ruma agora a norte, para assentar arraiais no coração de Trás-os-Montes. Será na Rampa Internacional de Boticas que se disputará a 2ª prova da temporada da Montanha.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here