Joaquim Rino à procura de novo pódio na Penha

0
119

Motivado pelo segundo lugar da Serra da Estrela, o consagrado piloto de Porto de Mós aborda a Rampa da Penha com a firme intenção de conseguir mais um bom resultado na Divisão Protótipos B do Campeonato de Portugal de Montanha JC Group.

No fim-de-semana em que batemos à porta do meio da época, Joaquim Rino desloca-se até terras de Guimarães com um propósito bem firme:  tirar todo o partido do BRC BR49 Evo com as cores da Articimentos na Rampa da penha Paisagem Protegida, contando que na prova vimaranense a mecânica do mesmo não dê quaisquer tipo de contrariedades, o que não foi completamente o caso da Covilhã, embora então, a resolução célere por parte da equipa técnica da FR Power tenha permitido que o piloto cumprisse os seus objetivos.

A Rampa da Penha sempre foi uma das suas preferidas, ainda que nem sempre a sorte o tenha acompanhado na subida situada na montanha dos arredores de Guimarães. “O traçado da Penha agrada-me bastante, embora também me traga algumas memórias menos boas”, destaca o piloto de Porto de Mós, numa alusão a um episódio do passado em que o seu carro ardeu. Mas isso não impede que “eu goste muito do traçado e que seja uma das rampas onde me sinto sempre muito competitivo. O seu perfil técnico, com curvas muito encadeadas e de apoio e onde a precisão é fundamental, tornam a prova desafiante e é assim que gosto de competir!”.

Joaquim Rino também se mostra bastante confiante no trabalho de preparação desenvolvido pela FR Power, que alterou os ‘set-ups’ específicos do seu protótipo, de modo a adequá-lo às características da rampa vimaranense: “permitindo-me ter confiança de que o BRC vai estar no ponto. É um protótipo novo e é normal que existam alguns momentos menos bons na minha adaptação e na evolução técnica do carro, mas não tenho quaisquer dúvidas de que seremos cada vez mais competitivos. Iremos com pneus novos e vamos tentar pela vitória na Divisão Protótipos B”. Em termos de horário e alinhamento de subidas, a prova do Demoporto arrancará às 13.45 de sábado, dia e que se realizarão sucessivamente o warm up 1, duas subidas oficiais de treinos e a 1ª subida de prova para o CPM JC Group, tendo a rampa regional direito a uma subida de treinos e outra a contar para a classificação, dose que repetirão no domingo. O cardápio dominical terá início às dez da manhã, com o warm up 2, com os concorrentes do CPM JC Group a realizarem mais uma subida oficial de treinos, antes das duas subidas finais de prova que, como habitualmente, serão decisivas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here