Rita Matos: “a Serra da Estrela será mais um enorme desafio para mim!”

0
167

Sendo uma “rookie” a piloto pacense está sempre perante o desafio de novos traçados. Desta feita, tentará suplantar as dificuldades da 28ª Rampa Serra da Estrela/Covilhã e defender o atual terceiro posto na tabela pontual do campeonato é o seu principal objetivo.

Esta presença no pódio do Campeonato de Portugal de Montanha 1300 JC Group, após as quatro primeiras provas de uma época com oito rampas, é o corolário de um conjunto de exibições seguras e sempre em crescendo de Rita Matos, aos comandos do FIAT Uno 45S da MNE Sport.

Mesmo perante um naipe alargado de adversários, que possuem carros muito mais competitivos, a pacense fez da regularidade e da sua capacidade para se focar numa evolução contínua e sem exageros, os predicados para estar agora num dos três lugares da tabela pontual almejados por todos.

Quanto ao desafio no ponto mais alto de Portugal Continental, Rita Matos faz de um trocadilho o seu mote: “não querendo ser repetitiva esta será mais uma Rampa de Estreia, que, espero, se transforme numa Rampa de Estrela!“.

Os 5240 metros do traçado tornam-na “entusiasmada, mas sem nunca deixar de levar muito a sério o desafio. Sei que vai ser difícil, pois ainda estou em aprendizagem, mas, com o meu carro “afinado”, e sendo uma rampa cheia de curvas como eu gosto, vou tentar evoluir ao longo de todo o fim-de-semana e voltar a ficar num bom lugar, recolhendo preciosos pontos para a luta do campeonato”.

A Rampa Serra da Estrela/Covilhã contém no seu programa três subidas no sábado, incluindo a 1ª de prova. Já no domingo serão quatro, começando com um ‘warm-up’, seguido da última subida de treinos do fim-de-semana, antes das duas derradeiras subidas de prova.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here